18 junho 2016

Minha experiência "cabelística" - Expectativa x Realidade

 Era uma vez, uma pessoa "foguinho", que resolve tesourar o cabelo para tirar o resto da tinta vermelha do mal que ressecou a juba... Sim, essa pessoa sou eu.
Resolvi tentar uma variação de long bob. Troquei minha cabeleireira de confiança por uma aventura. Sabe quando você ouve taaaaaaantos elogios sobre uma pessoa, que fica tentada e arrisca uma troca?!?
Pois bem, foi isso que aconteceu. Mas veremos primeiramente, a expectativa da pessoa aqui que pretendia voltar do salão dessa maneira:
A minha intenção era ter um corte bacana para quando eu usasse meu cabelo liso ou cacheado.  Mas eu voltei para casa com um resultado beeeem diferente do esperado. Segura a gargalhada a seguir:
Não, eu não percebi isso no salão. Pois o moço lá, enrolou as laterais, deixando do mesmo tamanho desse resto de cabelo atrás. Como estava bem ondulado, não deu para notar muita diferença. Ainda mais sem espelho para olhar atrás. ("Salão reformando, não tem outro espelho"... Aham, sei.)
Depois que cheguei em casa, fui preparar o jantar, tomar banho, jantar e finalmente olhar para o espelho. Os cachos já não existiam, o cabelo estava liso assim e eu não entendia o que estava acontecendo. Quando pedi para olharem meu cabelo na parte de trás, ao notar a cara de susto, pude perceber que tinha algo muito errado. Só depois de olhar essa foto acima, que pude entender e chorar pela besteira feita. Juro que não entendo! Até eu cortaria melhor, e já fiz isso. Como pude sair assim do salão???
Não, não fui lá fazer escândalo, reclamar, pedir dinheiro de volta... Não iria fazer diferença e a última coisa que eu queria e quero, é ver a peça de novo.
Na mesma noite, mandei um pedido de socorro para a cabeleireira querida que no dia seguinte tentou salvar o desastre de corte do ano.
Foi complicado tentar acertar os erros do fã do "Edward". Meu cabelo estava picotado grosseiramente atrás.
Minha segunda ideia de corte foi essa:

Mas minha franja não estava tão comprida assim.
Só estou mantendo meu cabelo alisado no momento, pois cacheado não ficou bacana. Teria que cortar um pouco mais para valorizar os cachos, fazer mais camadas e não deixar estilo "capacete" que se encontra no momento.
Eu já fui muito apegada ao meu cabelo, do tipo que sofria para cortar as pontas. Mas não sou mais, o que me fez superar essa experiência em pouco tempo. Meu cabelo estava enorme, mas judiado. Meu sonho é ter o cabelo batendo na cintura, mas não vale a pena pra mim, se o cabelo estiver ressecado, sem vida e maltratado. E o meu estava gritando socorro. Então, o lado bom disso, é que tenho um cabelo saudável 100%, que não levo mais 15 minutos para desembaraçar. Que 30 segundos são o suficiente para pentear, 5 minutos para lavar e sem contar que é bom mudar. (Só não é bom mudar de cabeleireira, fica a dica! Hahahaha.)
Beijo, beijo.

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. mulher, eu já passei TANTO por isso! Houve um tempo em que eu queria a franja da Dulce Maria e fiquei parecendo um poodle D:
    já sofri muito com corte de cabelo mal feito, tintura e hidratações profundas carissimas que não fizerem diferença alguma no meu cabelo u_u
    Sim, é ruim quando não conseguem alcançar o nosso objetivo capilar ne? A gente sonha sonha sonha e muitos cabeleireiros não conseguem alcançar =/
    Mas boa sorte sempre com seu cabelo e sim, não troque de cabeleireira porque ninguem entende mais do nosso jeito do elas haha
    Valeu a pena Esperar | Canal no Youtube

    ResponderExcluir
  2. Nossa, já sofri com cabeleireiro, mas foi pintura ao invés de corte :/
    Resolvi me aventurar numa que cobrava mais barato e no outro dia tive que voltar ao meu antigo - resultado, paguei duas vezes e meu cabelo teve que sofrer com tintura dois dias seguidos D:

    E pela última foto, achei que seu cabelo ficou muito bonito! Ainda bem, né? rs

    Beijinho

    ResponderExcluir
  3. Oi Nick! Cortei meu cabelo estilo long bob há alguns dias, estou em transição capilar e o corte caiu como uma luva!

    Beijinhos no coração!
    http://barbaradoblog.com/

    ResponderExcluir
  4. Mas gente, que loucura! Eu também não sou nada apegada a cabelo, mas a pessoa exagerou, né? Ainda bem que a sua cabeleireira antiga conseguiu te "salvar". Esse corte ficou lindo e super moderno!

    ResponderExcluir
  5. Aymel, não entendo por que tem tanta gente que trabalha em salão de beleza que se dispõe a fazer algo que não sabe. Dá uma raiva dessas coisas, né?
    Apesar do stress que você deve ter passado inicialmente, o corte atual ficou lindo!
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Confesso que tbm sofri com essa questão de cortes de cabelo. Na verdade uma vez eu quis fazer esse mesmo corte que vc fez, de na frente ficar maior que a traz, curto. Mas a cabeleireira não entendeu, e cortou um lado maior que o outro. Odiei, mas com o tempo me acostumei e rezei pra ele crescer logo. kkkk bjs

    ResponderExcluir

 
Ninamore Blog © | Por: NINAMORE